• Minimanual virtual Planserv
  • Cadastro de Mídias na Secom

Noticias

21/06/2017 16:20

Importância da Defesa Agropecuária da Bahia é tema de audiência pública na Assembleia Legislativa

Importância da Defesa Agropecuária da Bahia é tema de audiência pública na Assembleia Legislativa



Na manhã desta segunda-feira (19), foi realizada na Assembleia Legislativa uma sessão especial para debater a importância da Defesa Agropecuária da Bahia. A Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), órgão vinculado a Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (SEAGRI), discutiu a necessidade de ações que fortaleçam o órgão que é responsável por promover e executar a defesa sanitária animal e vegetal, o controle e a inspeção de produtos de origem agropecuária.

Ainda que o cenário de dificuldades seja uma realidade, o diretor geral da ADAB, Marco Vargas, afirmou que todos os esforços estão sendo feitos e que já tem agenda marcada, com o governador, para discutir a necessidade de realização de concurso para órgão. "Estamos aperfeiçoando o trabalho e conseguimos avançar na medida do possível. Agora, vamos renovar 10% da nossa frota de veículos e já foram entregues neste ano 70 notebooks aos servidores desta Autarquia. Entretanto, gostaria de deixar registrado, um pedido aos secretários estaduais, para que tentem dar mais agilidade e desburocratizar as demandas da ADAB", revelou Vargas.

A sessão foi bastante prestigiada por diversos segmentos ligados a agropecuária. Secretários estaduais, parlamentares, dirigentes atuais e ex-presidentes da ADAB, além de um grande número de servidores, entidades de classe, entre outros, estavam presentes no evento.



--
Wagner Machado
Assessoria de Comunicação
noticia.ascom@adab.ba.gov.br
www.adab.ba.gov.br
Para informações gerais sobre a ADAB, gentileza ligar: (71) 3116-8400
Para falar sobre assunto relacionado exclusivamente à Assessoria de Comunicação:
Tel./Fax: (71) 3116-8461



Fonte: ASCOM/ADAB-BA

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.