• Campanha Febre Aftosa 2021.2
  • Geolocalização de Propriedades
  • CORONA VÍRUS

Noticias

09/07/2021 15:50

Vacinação contra a Febre Aftosa de bovinos e bubalinos termina 16 de julho

Na próxima sexta-feira (16) acaba o prazo para a compra de vacinas nas revendedoras para aplicação em bovinos e bubalinos de todas as idades, fechando a I Etapa da Campanha anual de vacinação contra a Febre Aftosa. A informação foi ratificada pela ADAB (Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia), na manhã de hoje (9), após a constatação do reabastecimento das lojas pelos laboratórios que enviaram mais de 1 milhão de doses do imunizante, suficientes para atender o rebanho baiano.

 

“A campanha foi prorrogada duas vezes porque faltou vacina não só na Bahia, e o prazo inicial, que segue o calendário já conhecido pelos produtores, terminaria em 31 de maio, então decidimos estender. Com o atraso das doses complementares ao quantitativo solicitado pela ADAB, prolongamos até o dia 16 de julho. A chegada de mais imunizantes, no final do mês passado, abasteceu as revendas regionais e através do nosso acompanhamento diário dos números da vacinação e declaração de animais vacinados, percebemos que a campanha flui de maneira satisfatória. Essa é a reta final, precisamos da coparticipação dos produtores”, ressalta o diretor de Defesa Sanitária Animal da ADAB, Carlos Augusto Spínola.

 

Após a vacinação, os produtores deverão entregar a declaração obrigatória nos escritórios da ADAB, revendas agrícolas, sindicatos rurais ou através do site www.adab.ba.gov.br até o dia 01 de agosto. 

 

Cerca de 11 milhões de bovinos e bubalinos deverão ser vacinados, até a próxima sexta-feira. A expectativa do serviço veterinário oficial é de que a Bahia mantenha, e até amplie, o índice vacinal para que o estado seja credenciado pelo MAPA a retirar a obrigatoriedade da vacinação contra a Febre Aftosa em 2023, após as campanhas de novembro deste ano e também aquelas programadas para maio e novembro de 2022.



a



Fonte: ASCOM / ADAB

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.