• Campanha Febre Aftosa 2021.2
  • Geolocalização de Propriedades
  • CORONA VÍRUS

Noticias

23/09/2021 16:58

Operação Safra leva segurança ao produtor rural do Oeste da Bahia

Com o objetivo de levar policiamento ostensivo à zona rural, foi oficialmente lançada, nesta quinta-feira (23), em Barreiras, a Operação Safra 2021, que segue até março de 2022. A ação, deflagrada pelo oitavo ano consecutivo leva o efetivo policial a percorrer mais de mil propriedades rurais em 12 municípios do oeste baiano, envolvendo as secretarias estaduais de Segurança Pública e de Agricultura, por meio da Polícia Militar da Bahia (PM) e da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), além da Associação de Agricultores Irrigantes do Oeste da Bahia (Aiba) e prefeituras municipais da região. Na ocasião um aplicativo que mapeia as principais rotas, propriedades rurais, áreas sensíveis e com disponibilidade de um botão para acionamento rápido da Polícia Militar também foi apresentado.

 

A tecnologia foi disponibilizada pela Aiba para produtores, agricultores e para a Polícia. Através dela, viaturas poderão ser acionadas e também realizada a comunicação de crimes e o compartilhamento de informações com a PM. O secretário da Segurança Pública, Ricardo César Mandarino, explicou que a iniciativa beneficiará, durante os sete meses de execução, mais de 180 mil pessoas. “Com o apoio da Aiba e Adab, conseguimos ampliar as ações e levar mais segurança e tranquilidade para a região Oeste”, contou o gestor, que reforçou, ainda, a importância do agronegócio para o estado, principalmente, na geração de empregos.

 

Com o início do plantio de soja na Bahia, a atuação da PM é intensificada nas áreas produtivas e nas rodovias. A expressiva produção agrícola e o consequente tráfego intenso de cargas e defensivos químicos tornam os produtores alvos em potencial de quadrilhas criminosas especializadas no roubo desses produtos. O objetivo da ação é combater a criminalidade que registra aumento significativo neste período do ano “além de auxiliar a Adab na fiscalização do transporte de fertilizantes e defensivos agrícolas, atividades que fazem parte da defesa sanitária e vegetal da região”, completa o diretor geral da Adab, Oziel Oliveira. “Para os produtores a Operação Safra representa mais segurança às comunidades, permitindo que o agricultor possa cuidar do plantio sem o temor de sofrer qualquer tipo de violência”, diz Oliveira, ressaltando que quando o agronegócio vai bem, a economia também segue o mesmo fluxo e isso gera empregos e rendas que alavancam o país.


Durante as sete últimas edições a Polícia Militar realizou abordagens a 73.589 pessoas, 16.091 veículos quatro rodas/carga, 13.349 veículos duas rodas, realizou a prisão de 174 pessoas em flagrante, a apreensão de 270 armas de fogo, recuperou 27 veículos, realizou 38 apreensões de drogas, 19 recuperações de carga, 27.649 visitas a propriedades rurais, encaminhou 125 pessoas à delegacia e 174 pessoas presas em flagrante. “Conseguimos nos últimos anos diminuir as ocorrências e, com isso, conquistamos uma situação bastante favorável no quesito segurança no setor rural da região oeste. É importante ressaltar que a Operação Safra é tão positiva que interfere nos índices dos crimes nos grandes centros urbanos, por conta da ocupação de espaço na zona rural”, destaca o coronel Osival, comandante do Comando do Policiamento da Região Oeste (CPRO).

 

Sob a coordenação do CPRO e o apoio do Comando de Policiamento Especializado (CPE), a operação será executada pelo Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer), pela 3ª Companhia Independente de Polícia Rodoviária (CIPRV) / Barreiras, pela Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT – Oeste) / Rondesp Oeste, Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) / Cerrado, 85ª CIPM e 86ª CIPM.

 

Para os produtores rurais da região, a Operação Safra é motivo de comemoração porque eles já podem se prepara para o plantio do próximo ciclo, com mais tranquilidade durante a semeadura. “A Operação Safra é uma grande vitória para todos os moradores do oeste baiano, que podem contar, desde a sua primeira edição, com mais segurança no campo e na cidade. Para nós, produtores rurais, é ainda mais significativo, já que temos o efetivo policial visitando as propriedades”, enfatizou o presidente da Aiba, Odacil Ranzi. Também participaram da cerimônia o subsecretário da SSP, Hélio Jorge Paião; o comandante-geral da PM, coronel Paulo Coutinho; além de dirigentes da Aiba e autoridades civis e militares locais.

 

 

Ascom Adab 23/09/21

Tel: Tel: 3091-2044 / 99948-8385



Fonte: ASCOM / ADAB

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.